PAULO ZUBEN

Paulo Zuben é compositor e gestor cultural. Tem doutorado em Musicologia (2009) pela ECA-USP e mestrado em Comunicação e Semiótica (2003) pela PUC-SP. Possui graduação em Música (2000), com Bacharelado em Composição pela Faculdade Santa Marcelina, e graduação em Administração de Empresas (1991) pela FGV-SP. Foi bolsista da FAPESP entre 1997 e 2002. Foi bolsista do Chief Executive Program durante os anos de 2011 a 2013, quando teve oportunidade de estudar na Harvard Business School, na Ross School of Business da Michigan University e na Texas University, em um programa organizado pela instituição norte-americana National Arts Strategies (NAS). É, desde 2008, o diretor artístico-pedagógico da Santa Marcelina Cultura, Organização Social responsável pela gestão da Escola de Música do Estado de São Paulo – EMESP Tom Jobim, do Theatro São Pedro e do Guri Capital e Grande São Paulo e, desde junho de 2018, o Presidente da Associação Brasileira das Organizações Sociais de Cultura – ABRAOSC. Foi diretor do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão dos anos de 2009 a 2011. Tem dois livros publicados: Ouvir o som (2005) e Música e tecnologia (2004). Escreveu obras instrumentais e eletroacústicas gravadas em CDs, tocadas em importantes festivais de música do Brasil e Exterior e que receberam diversos prêmios. Em 2004, foi selecionado para o estágio em composição e informática musical do IRCAM de Paris, onde trabalhou durante seu período de Mestrado. Foi condecorado em 2013 pelo Ministério da Cultura francês com a ordem de Chevalier dans l’Orde des Arts et des Lettres.