Juntos pela Saúde: entenda o que é e como funciona o matchfunding pelo SUS brasileiro

O Sistema Único de Saúde brasileiro, o SUS, é universal e gratuito, referência em todo o mundo, e pode beneficiar ainda mais pessoas e com mais qualidade se somarmos recursos públicos e privados.

Você sabia que para 18% da população brasileira, especialmente nas regiões Norte e Nordeste, o número de médicos disponíveis na saúde pública é inferior a 1 para cada mil habitantes? A média brasileira é de 2,15 para cada mil.

Além disso, nessas regiões, a expectativa de vida média é 3 anos menor que no restante do país, enquanto a taxa de mortalidade infantil é 3% maior se comparada ao centro-sul.

Vamos juntos e juntas mudar essa realidade?


O que é o Juntos pela Saúde?

O programa Juntos pela Saúde é uma iniciativa de doação do BNDES no estilo de matchfunding. Ou seja, será cofinanciada pela iniciativa privada para destinar R$200 milhões para projetos na área da Saúde nas regiões Norte e Nordeste, ao longo de quatro anos.

Com estas diretrizes, a iniciativa mostra-se alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU 3, Saúde e Bem-estar; e 10, Redução das Desigualdade.

Qual o objetivo do programa?

Apoiar e fortalecer o Sistema Único de Saúde (SUS) nas regiões Norte e Nordeste, com foco na melhoria da eficiência da prestação dos serviços de saúde, qualidade e integração do sistema com um todo.

Quem receberá os recursos?

Serão 3 tipos de órgãos aptos a serem beneficiados pelo programa:

  • Os Equipamentos do SUS, que deverão utilizar da doação de maneira alinhada à secretaria de saúde do local;
  • Unidades Públicas de Saúde e
  • Unidades Filantrópicas de Saúde.

Conforme as doações sejam confirmadas, serão feitas chamadas públicas ou fomentos estruturados para a definição dos beneficiários dentro desses três possíveis públicos.

Como os recursos serão investidos?

Serão três as possibilidades de investimento, a depender da necessidade da unidade de saúde apoiada.

Quem participa:

  • BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social: promotor e financiador da iniciativa.
  • IDIS – Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social: responsável pela gestão dos recursos, pela captação e seleção de projetos que serão beneficiados pelo programa.
  • Impulso Gov: idealizador do “Impulso Previne”, projeto que reúne soluções e serviços gratuitos para municípios ampliarem o alcance e a qualidade da atenção primária do SUS, e que já está apto a receber investimentos.

 

Apoiadores:

 

  • Fundação Banco do Brasil: aporte de R$35 milhões.
  • Fundação Vale: primeira empresa a aderir ao Juntos pela Saúde, com o compromisso de aporte de R$34 milhões ao programa